ZECA GIAFFONE- PILOTO, PREPARADOR, CAMPEÃO, INCENTIVADOR DO ESPORTE A MOTOR NO BRASIL

Um paulistano visionário que fez a base da Stock Car, nasceu em São Paulo, capital em 1948

Seu pai era proprietário de uma fábrica de fogões a “Fundição Brasil”, pioneira em fogão a gás encanado, (que mais tarde seria a Continental). Moravam no Bairro de Santa Cecília região central de São Paulo. Zeca estudou no Caetano de Campos, e depois no Mackenzie, onde outros pilotos da época estudavam, sendo um de seus professores, Rubens Carpinelli, um grande incentivador do automobilismo e posteriormente presidente da FASP (orgão máximo do automobilismo em São Paulo).

Seu pai era amigo de Chico Landi, e gostava de ver as corridas em Interlagos. Levava os filhos para assisterem também. O interesse de Zeca começou pelos Kart, nas primeiras provas que aconteciam no Bairro do Pacaembú. Affonso Giaffone, o irmão mais velho comprou um Kart, e como ele já estava querendo correr também, seguiu os passos do irmão, e estreou em 1965 nas provas de Kart.


O início dos irmãos Giaffone foi no Kart, logo passando a construtores Foto reprodução

Rapidamente fez sucesso na categoria, e foi campeão estadual em 1970 e 1974 e Nacional em 1971 e 1975. Além de piloto, Zeca se tornou contrutor de Kart. No início dos anos 70 junto com o irmão Affonso e o primo Waltinho Travaglini, eles fabricaram o Kart “Cox”.


Zeca Giaffone logo se destacou na categoria Foto reprodução

Os campeonatos conquistados por Zeca e por Watinho (que também foi Campeão Nacional) foram com o Kart Cox. Antes Waltinho e Zeca já haviam fabricado um Kart na fábrica de fogões, o FBM. Zeca competiu com os Kart até 1977. Affonso Giaffone já havia migrado para as corridas de carros, e era um piloto respeitado e de sucesso. O irmão convidou Zeca para correr na classe “C”, onde corriam Opalas e Mavericks.


O Rio de Janeiro foi palco da primeira das várias vitórias de Zeca Giaffone na Stock Car, ele venceu na 4 etapa de 1979 Foto reprodução

A equipe contava também na época com Jayme Silva, em 1979 com o surgimento da Stock-Car. Neste ano, Affonso Giaffone vence as 4 primeiras corridas da categoria, e Zeca vence na 4ª etapa no Rio de Janeiro, a sua primeira corrida com carros.


Campeão em 87 da Stock-Car sem nenhuma vitória. Ganhou pela regularidade dos resultados
Foto reprodução

Nos anos 80 Zeca Giaffone foi o maior nome da categoria, e se tornou o maior recordista de vitórias nas “Mil Milhas”, com cinco: 1981, 1984, 1986, 1988 e 1989. Nas Mil Milhas correu em dupla com: Affonso Giaffone, Waltinho Travaglini, Luiz Alberto Pereira, Chico Serra, Maurizio Sala e Reinaldo Campello. Zeca deixou a Stock Car após competir por 11 temporadas.



Zeca Giaffone com os filhos Zequinha e Felipe Foto reprodução

Não se afastou do automobilismo porque a geração seguinte, seus filhos, deram sequência a carreira nas pistas. Zequinha e Felipe Giaffone se tornaram também pilotos de sucesso. Zequinha foi campeão Paulista, Brasileiro e Panamericano de Kart. Felipe foi campeão Paulista e Sul-Americano de Kart, campeão brasileiro de Fórmula Chevrolet, campeão mundial de Kart por 4 vezes, correu na Fórmula Indy por 4 temporadas, e atualmente corre na Fórmula Truck, onde conquistou títulos Brasileiros e Sul-Americanos.

Zeca e os filhos. Sempre acompanhou a carreira de sucesso dos meninos
Foto reprodução

Zeca Giaffone correu com o Super-Kart Foto reprodução

Zeca Giaffone correu também com Super-Kart, categoria que até o Emerson Fittipaldi experimentou. Depois novamente voltou a fabricar Kart, os famosos “ZF”, que se espalharam por todo o Brasil. Em 1989 teve a ideia de fazer um kartódromo com padrão internacional, sonho que realizou, com a construção em Cotia de um complexo na Granja Vianna, com certificação da FIA para provas internacionais.


Kartódromo da Granja Vianna de padrão internacional e certificado pela FIA
Foto reprodução

Colaborou com o projeto, junto com Ingo Hoffman, Carlos Col e Paulo Gomes para o surgimento da nova categoria de Stock Car, que substituiu o Omega. Mas esta já é outra história.


Fontes de referência: Site Nobres do Grid/Internet


Por Leonarde Pavani – administrador da página “OS PRECURSORES” e colunista do site Conexão Saloma.

Luiz Salomão

Blogueiro e arteiro multimídia por opção. Dublê de piloto do "Okrasa" Conexão direta com o esporte a motor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.