ROBERTO FIÚZA…OBITUÁRIO..

Notícia, não muito feliz para nós e os matuzas que trafegam pela estrada automobilística a tempos e que nos foi passada pelo parceiro Roberto Costa…
“Faleceu na noite de ontem Roberto Fiuza Júnior que em sua vida automobilística participou com sucesso em todas as categorias que competiu além de ter dado sua contribuição como dirigente na extinta ACeVC _ Associação Cearense dos Volantes de Competição – FCeA – Federação Cearense de Automobilismo além da CBA – Confederação Brasileira de Automobilismo – como membro do CTDN. Infarto após transplante de órgão bem sucedido. O velório acontecerá manhã (Sexta-Feira) no Cemitério Parque Metropolitano entre 08:00 e 12:00 quando o corpo segue para ser cremado”.

Vamos replicar um post em que ele é um dos coadjuvantes…

ÚLTIMA PROVA DE RUA EM SALVADOR, 1972

As corridas de rua sempre foram um aperitivo a mais para a galera ver e curtir de perto, sem gastos extras, seus ídolos. O circuito baiano na cidade de Salvador, não ficaria atrás. Tinha 3.090 metros de piso desgastado pela mal conservação e cheio de imprevistos, como todo bom circuito de rua que se preza.
Provas longas e curtas se fizeram presente no circuito, e uma delas foi a terceira prova do Torneio Norte e Nordeste de Automobilismo. Prova com 40 voltas pelo circuito, mas que esteve marcada pelas falhas na organização. Uma delas foi a redução das voltas de 30 para 40, isso porque teve um atraso de 1h15m, isto é, o que era para largar às 10 horas só aconteceu por volta das 11h15m.
Ação determinada pelo comissário desportivo, José Lago, que sob alegação de que o seguro da prova expiraria às 12h30m. As provas de rua tinham um seguro, que às vezes não ficava bem explicado como eram seus procedimentos, já que estava incluído nas inscrições…
O palco para se ter um tremendo confusão estava montado, tempo chuvoso, lama acumulada em diversos pontos do circuito, falta de policiamento, bombeiros, ambulância e asfalto com imperfeições. Com os treinos sendo iniciados, Arialdo Pinho, com o protótipo Volks 1,700cc, baixou o recorde do circuito que até então era de 1m38s do paulista Fredy O’Hara, para 1m35s, com média de 117 km/h. Mas na prova, a melhor volta foi de 1m41s.

Arialdo Pinho, Roberto Fiúza e Luís Bastos no pelotão da frente…reparem o estado da pista!

Dada a largada, 14 carros foram para o pega pelo circuito, Arialdo, Roberto Fiúza e Luís Barros partiram na frente, mas tomando a ponta, Arialdo soube tirar proveito do menor peso da sua barata já na primeira curva, a do Calabar de Cima. Já na décima volta, abriria uma boa vantagem sobre o segundo colocado, seu companheiro de equipe, Roberto Fiúza que era perseguido de perto pelo baiano Luís Bastos. Mas, como sempre o show, são as disputas pelas posições intermediárias. E isso se deu entre Rômulo Cavalcanti, Volks de numeral 4, que largou em nono e já estava em quinto disputando o quarto lugar com Otavio Cravo e seu protótipo Volks muito bem acertado. Após tentar por várias vezes, sempre na mesma curva do Chame-Chame, onde por sinal havia lama “pra dédéu”, terminou conseguindo na décima-sétima volta. Passou e deixou um “mar de lama” para seu concorrente e espectadores. Foi um banho só!
Mas as emoções estavam guardadas para o final da prova, Arialdo ao passar pelos boxes, alertou sua equipe que seu carro começa a ter problemas mecânicos e enquanto isso Luís Bastos assumia o segundo lugar e baixava a bota para pegar Arialdo. Na última volta, forçou demais seu Puma 2.200cc, tentando ao máximo chegar no primeiro, mas não conseguiu e fez a volta mais rápida da prova, 1m41s, com a média horária de 111.60 km/h.

A classificação final ficou assim, para carros da Divisão 3, 4 e 5…
1 – Arialdo Pinho – VW 1700 #3 – Equipe Macepin,30 voltas em 54m, com a média horária de 105,29 km/h(CE)
2 – Luís Bastos – Puma 2200 #72 – Equipe Pepsi-Cola,30 voltas em 54m10s(BA)
3 – Roberto Fiúza – Prot. Karman-Ghia 1700 #34 – equipe Macepin, 30 voltas em 54m15s(CE)
4 – Rômulo Cavalcanti – VW 1900 #4 – Equipe CDV – 29 voltas(PE)
5 – Carlos Medrado – VW 1900 #57 – Equipe Catur Motor – 29 voltas(BA)…
(reprodução/4Rodas)

Luiz Salomão

Blogueiro e arteiro multimídia por opção. Dublê de piloto do "Okrasa" Conexão direta com o esporte a motor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.