STOCK CAR PRO SERIES – CORRIDAS SENSACIONAIS, FORTES DISPUTAS E CAMPEONATO COM NOVO FORMATO = DUAS CORRIDAS DE 30 MINUTOS

Com novo formato, cada corrida em Interlagos contou com 30 minutos + uma volta de duração, mais emoção para os fans da categoria, velocidade máxima e grid dinâmico.
Casagrande mantém a dianteira, mas já é atacado por Khodair e Nunes – Foto Duda Bairros

Na primeira prova o pole position Gabriel Casagrande largou bem mas foi duramente atacado pela dupla Allam Khodair e Diego Nunes, ambos da equipe Blau Motorsport, que largaram logo atrás e já na Reta Oposta emparelharam com o ponteiro na qual Casagrande acabou tocando com ambos – e quem levou a pior foi Nunes, que perdeu várias posições e ficou fora da briga pela liderança.

Nas voltas finais, Casagrande foi informado que receberia 5s de punição pelo toque com Diego – e então começou o duelo no cronômetro contra Khodair, o segundo colocado. No momento da punição, a diferença entre eles era de exatos 5s040 – mas ficou oscilando entre 4s e 6s até o final da prova, dependendo do desempenho dos pilotos em suas tentativas de superar o rival.


Bruno Baptista agora é segundo no campeonato, empatado com Daniel Serra –
Foto Duda Bairros

A vitória chegou a ficar nas mãos de Khodair, em duas oportunidades, mas no final Casagrande foi capaz de recuperar o terreno. Na bandeirada, após a aplicação dos 5s de punição, Casagrande venceu a prova por apenas 0s569, isso a Stock leva a sua torcida, emoção do início ao fim. Bruno Baptista em franca evolução ficou em terceiro, mostrando que a equipe comandada por Nôno Figueiredo é uma grande força no campeonato.


Resultado – Corrida 1

1º – Gabriel Casagrande (A. Mattheis-Vogel/Chevrolet Cruze) – 19 voltas
2º – Allam Khodair (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 0s569
3º – Bruno Baptista (RCM Motorsport/Toyota Corolla) – a 9s042

4º – Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) – a 10s348
5º – Átila Abreu (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) – a 11s355
6º – Diego Nunes (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 12s998
7º – Denis Navarro (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze) – a 14s224
8º – Pedro Cardoso (KTF Racing/Chevrolet Cruze) – a 16s848
9º – António Félix da Costa (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze) – a 17s160
10º – Galid Osman (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) – a 17s197
11º – Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) – a 17s366
12º – Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Toyota Corolla) – a 23s874
13º – Christian Hahn (Blau Motorsport II/Chevrolet Cruze) – a 24s733
14º – Guga Lima (A. Mattheis-Vogel/Chevrolet Cruze) – a 31s761
15º – Felipe Massa (Lubrax Podium/Chevrolet Cruze) – a 34s609
16º – Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Toyota Corolla) – a 38s183
17º – Julio Campos (Lubrax Podium/Chevrolet Cruze) – a 38s731
18º – Sergio Jimenez (MX Piquet Sports/Toyota Corolla) – a 42s183
19º – Matías Rossi (Full Time Sports/Toyota Corolla) – a 43s187
20º – Felipe Lapenna (Hot Car/Chevrolet Cruze) – a 43s243
21º – Tony Kanaan (Full Time Bassani/Toyota Corolla) – a 47s373
22º – Beto Monteiro (Crown Racing/Chevrolet Cruze) – a 1min11s346
23º – Gustavo Frigotto (RKL/Chevrolet Cruze) – a 1min26s610
24º – Daniel Serra (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze) a 1min30s474
25º – Tuca Antoniazi (Hot Car/Chevrolet Cruze) – a 1min45s055
26º – Guilherme Salas (KTF Sports/Chevrolet Cruze) – a 1 volta
27º – Gaetano di Mauro (KTF Racing/Chevrolet Cruze) – a 1 volta
28º – Nelson Piquet Jr. (MX Piquet Sports/Toyota Corolla) – a 1 volta
29º – Lucas Foresti (KTF Sports/Chevrolet Cruze) – a 1 volta

Volta mais rápida: Gabriel Casagrande, 1min40s367 (154,5 km/h)

Não completaram
Cacá Bueno (Crown Racing/Chevrolet Cruze)
Marcos Gomes (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze)
Excluído
Rubens Barrichello (Full Time Sports/Toyota Corolla)


Na segunda prova, com a inversão dos dez primeiros da primeira prova para compor o grid, a primeira fila foi formada com Galid Osman na pole e Félix da Costa no segundo lugar.

Galid manteve a dianteira na largada, com Félix perdendo a posição para o piloto mais jovem do grid, Pedro Cardoso, três voltas mais adiante. Uma volta depois o português também seria superado por Denis Navarro, em uma manobra sensacional que viu o paulista ultrapassar Da Costa e Cardoso na freada do Esse do Senna.

O início dos pit stops obrigatórios, na oitava volta, mudou tudo. Galid perdeu muito tempo em sua parada e saiu da briga pela vitória. Mas Félix conseguiu retornar na dianteira, que manteve até a bandeirada. Nas voltas finais, Daniel Serra, que havia largado em 24º e fazia uma corrida espetacular, passou a duelar com Guilherme Salas pela segunda posição.

A imagem mais impressionante da prova, Gaetano Di Mauro viu um espaço entre os dois carros e mergulhou para tentar uma ultrapassagem que, se acontecesse, seria heroica. Mas não deu certo. O choque com o Cruze de Salas ergueu a frente do carro de Gaetano, e o fluxo de ar gerado pela alta velocidade fez o resto, jogando o carro do Di Mauro para o alto e, depois, contra o muro.



Di Mauro foi socorrido rapidamente pela equipe médica da Stock Car/Prevent e levado ao hospital para exames preliminares e passou a noite em observação. Os exames não constataram nenhum ferimento, de acordo com a equipe KTF Sports, e foi liberado do Hospital Santa Maggiore, em São Paulo, na manhã desta segunda-feira (17).

Com o resultado, Daniel Serra continua na liderança, mas agora com Bruno Baptista na segunda posição depois de obter um terceiro e um décimo lugares em Interlagos. O vencedor da primeira prova, Casagrande, agora está na sexta posição da tabela.

Félix da Costa, apesar de ser vencedor legítimo da segunda prova, não terá seus pontos computados no campeonato devido uma cláusula do regulamento que obriga a todos os competidores serem filiados à Confederação Sul-Americana de Automobilismo. Como foi convidado na semana passada para substituir o atual campeão Ricardo Maurício, em convalescência ligada ao covid-19, o piloto português não teve tempo de cumprir essa formalidade. Mesmo assim, com uma atuação de impecável, o atual campeão mundial de Fórmula E entrou para a história do automobilismo brasileiro.


Português António Félix da Costa vence em Interlagos – Foto Vanderley Soares

Resultado – Corrida 2

1º – António Félix da Costa (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze) – 19 voltas
2º – Daniel Serra (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze) – a 2s942
3º – Guilherme Salas (KTF Sports/Chevrolet Cruze) – a 4s815

4º – Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Toyota Corolla) – a 1min54s983
5º – Cacá Bueno (Crown Racing/Chevrolet Cruze) – a 1min57s795
6º – Átila Abreu (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) – a 1min59s256
7º – Felipe Massa (Lubrax Podium/Chevrolet Cruze) – a 2min00s574
8º – Denis Navarro (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze) – a 2min01s713
9º – Galid Osman (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) – a 2min03s850
10º – Bruno Baptista (RCM Motorsport/Toyota Corolla) – a 2min04s948
11º – Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) – a 2min06s572
12º – Tony Kanaan (Full Time Bassani/Toyota Corolla) – a 2min07s931
13º – Nelson Piquet Jr. (MX Piquet Sports/Toyota Corolla) – a 2min10s734
14º – Diego Nunes (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 2min12s376
15º – Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Toyota Corolla) – a 2min13s270
16º – Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) – a 2min17s282
17º – Julio Campos (Lubrax Podium/Chevrolet Cruze) – a 2min18s864
18º – Allam Khodair (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 2min20s947
19º – Beto Monteiro (Crown Racing/Chevrolet Cruze) – a 2min21s990
20º – Tuca Antoniazi (Hot Car/Chevrolet Cruze) – a 2min23s330
21º – Matías Rossi (Full Time Sports/Toyota Corolla) – a 2min25s470
22º – Gaetano di Mauro (KTF Racing/Chevrolet Cruze) – a 2 voltas

Volta mais rápida: Daniel Serra, 1min40s665 (154,0 km/h)

Não completaram
Gabriel Casagrande (A. Mattheis-Vogel/Chevrolet Cruze)
Gustavo Frigotto (RKL/Chevrolet Cruze)
Pedro Cardoso (KTF Racing/Chevrolet Cruze)
Lucas Foresti (KTF Sports/Chevrolet Cruze)
Felipe Lapenna (Hot Car/Chevrolet Cruze)
Christian Hahn (Blau Motorsport II/Chevrolet Cruze)
Sergio Jimenez (MX Piquet Sports/Toyota Corolla)

Excluído
Guga Lima (A. Mattheis-Vogel/Chevrolet Cruze)

Notas

– Daniel Serra, segundo colocado na corrida 2, herda os pontos da vitória, já que o português António Félix da Costa, que venceu, não pode pontuar;

– Bruno Baptista é o novo vice-líder, com 65 pontos e Átila Abreu é o terceiro com 63;

– Gaetano di Mauro, protagonista de acidente espetacular na penúltima volta da segunda corrida, foi liberado do hospital esta manhã. Sem ferimentos;

Vencedores até o momento na temporada:
Goiânia: 
Daniel Serra e Ricardo Maurício
Interlagos: Gabriel Casagrande e António Félix da Costa

Classificação do campeonato após duas eatapas

POSPILOTOEQUIPEPTS
1Daniel Serra
#29DanielSerra
Montadora Chevroletserrarc68
2Bruno Baptista#44BrunoBaptistaMontadora ToyotaBruno Baptistarc65
3Átila Abreu
#51ÁtilaAbreu
Montadora Chevroletatilashell63
4Cesar Ramos#30CesarRamosMontadora ToyotaCESAR RAMOSIpiranga Racing62
5Denis Navarro#5DenisNavarroMontadora ChevroletDenis navarrocavaleiro58
6Gabriel Casagrande#83GabrielCasagrandeMontadora ChevroletCasagrandevogel56
7Thiago Camilo#21ThiagoCamiloMontadora ToyotaTCIpiranga Racing47
8Cacá Bueno
#0CacáBueno
Montadora Chevroletcacacrown46
9Galid Osman#28GalidOsmanMontadora ChevroletGalidshell45
10Diego Nunes
#70DiegoNunes
Montadora ChevroletDiego NunesBlau40
11Guilherme Salas#85GuilhermeSalasMontadora Chevroletsalaskgf39
12Allam Khodair#18AllamKhodairMontadora ChevroletkhodairBlau37
13Gaetano Di Mauro
#11GaetanoDi Mauro
Montadora Chevroletgaetanokgf34
14Ricardo Zonta#10RicardoZontaMontadora Toyotazontarc32
15Rafael Suzuki
#8RafaelSuzuki
Montadora Toyotasuzukift31
16Ricardo Maurício
#90RicardoMaurício
Montadora Chevroletricardo Mauriciorc29
17Pedro Cardoso#43PedroCardosoMontadora ChevroletPedro Cardosokgf27
18Felipe Massa#91FelipeMassaMontadora ChevroletmassaLubrax Podium logo22
19Julio Campos
#4JulioCampos
Montadora Chevroletjulio camposLubrax Podium logo20
20Lucas Foresti#12LucasForestiMontadora Chevroletforestikgf17
21Christian Hahn#16ChristianHahnMontadora ChevroletHahnBlau13
22Tony Kanaan#48TonyKanaanMontadora ToyotaTKft9
23Nelson Piquet Jr#33NelsonPiquet JrMontadora Toyotapiquetmx9
24Guga  Lima
#9GugaLima
Montadora Chevroletguga limavogel8
25Sergio Jimenez#73SergioJimenezMontadora Toyotajimenezmx6
26#117MatíasRossiMontadora Toyotamatias rossift4
27Beto Monteiro#88BetoMonteiroMontadora ChevroletBeto Monteiroftcrown3
28Rubens Barrichello#111RubensBarrichelloMontadora ToyotaRubinhoft3
29Gustavo Frigotto#86GustavoFrigottoMontadora Chevroletfrigottorkl2
30Felipe Lapenna#110FelipeLapennaMontadora Chevroletlapennahotcar2
31Marcos Gomes#80MarcosGomesMontadora Chevroletmarcos gomescavaleiro1
32Tuca Antoniazi#54TucaAntoniaziMontadora Chevrolettucahotcar1
33#13 AntonioFelix da CostaMontadora Chevroletricardo Mauriciorc0
34#65 MaxWilsonMontadora Toyotamaxft0

Próxima Etapa [3] – 19 de junho de 2021, no Autódromo Velocitta, que está localizado em uma propriedade particular no município de Mogi Guaçu, São Paulo, Brasil, a 180km da capital paulista. Rodovia SP 342, Km 187, S/n – Nova Louza, Mogi Guaçu – SP.


Luiz Salomão

Blogueiro e arteiro multimídia por opção. Dublê de piloto do "Okrasa" Conexão direta com o esporte a motor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.