AO MESTRE COM CARINHO!

“Prezado Saloma, amigo com gasolina nas veias!!!

Sómente os amantes do automobilismo saberão entender a necessidade de
compartilhar as fotos acima!!

No último sábado, através de um amigo Especial, irmão, Dr. João Reinaldo de
Oliveira Abrahão, tive a impressionante oportunidade de conhecer
pessoalmente o Sr. Toni Bianco, Ottorino Bianco de origem, como Vocês sabem,
um Mestre do Design Brasileiro, criador da saga do
Fúria/Bianco/Dardo/Futura, e que tem em sua História com H maiusculo a
construção do CARCARÁ e Carcará II. Mas não é só isso!

Em sua casa, pudemos acompanhar uma pequena fração da história maravilhosa
do Mestre, que nos mostrou dezenas/centenas de fotos, detalhes,desenhos,
maquetes, livros, troféus, sempre acompanhado de sua simpática esposa.
Mostrou-nos as fotos e detalhes dos carros que recentemente concluiu para o
Paulo Trevisan, além do Formula Jr, Cizzitália, Maseratti (2)e estará
começando outra em breve!!Imperdível.

Desejava a cada momento, que o tempo pudesse passar mais devagar para
deglutir toda as conversas e captar todos os detalhes, que ainda agora estão
vivas na minha mente. Tenho também um pequeno vídeo que já assisti várias
vezes…

Lá pelas tantas, o Mestre Toni pega um pequeno rolo em papel vegetal, já
meio amarelado e nos apresenta O PRIMEIRO DESENHO DO BIANCO, como ele o
concebeu!! Quase tive um colapso! Vejam as fotos!! Vejam as fotos dos
modelos do Fúria, origem do Bianco. Vejam as fotos da pequena oficina, ou
atelier…

Por fim, de forma extremamente simpática AUTOGRAFOU meu Bianco e fez
diversas considerações sobre o que estava original e o que falta ainda
acertar…uma aula enfim!!!
Pude também compartilhar a apresentação de um embrião de um Livro de
Memórias, repleto de fotos, que está nascendo pelas mãos da Filha do Sr
Toni…
Meu sábado ainda não terminou…Forte Abraço
O. Guilherme

Luiz Salomão

Blogueiro e arteiro multimídia por opção. Dublê de piloto do "Okrasa" Conexão direta com o esporte a motor!

50 comentários em “AO MESTRE COM CARINHO!

  • 2 de julho de 2009 em 01:17
    Permalink

    Se “isso” não foi “O” privilégio, tenho que voltar pra escola e começar a reaprender tudo novamente.
    Que oportunidade de ouro meu caro!

    Parabéns.

    Obrigado por compartilhar.

    Resposta
  • 2 de julho de 2009 em 01:17
    Permalink

    Se “isso” não foi “O” privilégio, tenho que voltar pra escola e começar a reaprender tudo novamente.
    Que oportunidade de ouro meu caro!

    Parabéns.

    Obrigado por compartilhar.

    Resposta
  • 2 de julho de 2009 em 11:06
    Permalink

    Que maravilha!
    Ter um Bianco autografado.
    Saudações!

    Resposta
  • 2 de julho de 2009 em 11:06
    Permalink

    Que maravilha!
    Ter um Bianco autografado.
    Saudações!

    Resposta
  • 2 de julho de 2009 em 12:50
    Permalink

    Realmente vc esteve com um mestre de todos nós,no final do’s 60 eu o conheci, ja admirava e admiro ate hoje
    Ary Leber

    Resposta
  • 2 de julho de 2009 em 12:50
    Permalink

    Realmente vc esteve com um mestre de todos nós,no final do’s 60 eu o conheci, ja admirava e admiro ate hoje
    Ary Leber

    Resposta
  • 3 de julho de 2009 em 22:03
    Permalink

    Tive oportunidade de conhecer esse Bianco do Decanini no Templo, na ultima etapa do Classic Cup.
    O carro é maravilhoso e com um alto grau de originalidade.
    Agora o carro ainda foi ao encontro do criador, Mestre Tony Bianco, que alem de abrir os seus “arquivos” sobre o carro, autografou a barata.
    Imagino a satisfação do Guilherme passar um sabado ouvindo as histórias contadas pelo Mestre, em meio aos desenhos, esboços, maquetes e as “ferramentas especiais” que ele costuma utilizar e gosta de mostrar a quem o visita.
    Mais uma vez parabens pelo carro, Decanini e pela bela iniciativa de procurar o grande criador dessa belezura.
    Esse é mais um documento histórico, para nos regalar.

    Resposta
  • 3 de julho de 2009 em 22:03
    Permalink

    Tive oportunidade de conhecer esse Bianco do Decanini no Templo, na ultima etapa do Classic Cup.
    O carro é maravilhoso e com um alto grau de originalidade.
    Agora o carro ainda foi ao encontro do criador, Mestre Tony Bianco, que alem de abrir os seus “arquivos” sobre o carro, autografou a barata.
    Imagino a satisfação do Guilherme passar um sabado ouvindo as histórias contadas pelo Mestre, em meio aos desenhos, esboços, maquetes e as “ferramentas especiais” que ele costuma utilizar e gosta de mostrar a quem o visita.
    Mais uma vez parabens pelo carro, Decanini e pela bela iniciativa de procurar o grande criador dessa belezura.
    Esse é mais um documento histórico, para nos regalar.

    Resposta
  • 4 de julho de 2009 em 12:23
    Permalink

    Quem é bom sempre é reconhecido. No final dos anos 80 fui visitar o Tony em uma fábrica na Barra Funda onde ele fazia uma van baseada na Renault Space se não me engano. As coisas não deviam estar indo muito bem, acho que a Renault andou criando alguma dificuldade e as importações já se avizinhavam. Eu tinha um Bianco 79 muito bem preparado, 1800, webers, radiador. Ele olhou o carro meio desanimado e acredito que tenha se espantado por receber alguém que gostasse do carro a ponto de visitá-lo. Não era costume na época de se reconhecer os criadores e senti que ele deve ter tido algumas decepções com os sócios da fabricação do Bianco e não lhe era muito agradável a lembrança do carro. Ouvi falar que depois da fábrica da Space ele abandonou completamente as atividades ligadas com automóveis, mas felizmente, as coisas mudam e no caso mudaram para melhor, inclusive com a construção dos carros para o Paulo Trevisani.

    Resposta
  • 4 de julho de 2009 em 12:23
    Permalink

    Quem é bom sempre é reconhecido. No final dos anos 80 fui visitar o Tony em uma fábrica na Barra Funda onde ele fazia uma van baseada na Renault Space se não me engano. As coisas não deviam estar indo muito bem, acho que a Renault andou criando alguma dificuldade e as importações já se avizinhavam. Eu tinha um Bianco 79 muito bem preparado, 1800, webers, radiador. Ele olhou o carro meio desanimado e acredito que tenha se espantado por receber alguém que gostasse do carro a ponto de visitá-lo. Não era costume na época de se reconhecer os criadores e senti que ele deve ter tido algumas decepções com os sócios da fabricação do Bianco e não lhe era muito agradável a lembrança do carro. Ouvi falar que depois da fábrica da Space ele abandonou completamente as atividades ligadas com automóveis, mas felizmente, as coisas mudam e no caso mudaram para melhor, inclusive com a construção dos carros para o Paulo Trevisani.

    Resposta
  • 4 de julho de 2009 em 18:52
    Permalink

    A revista americana Sports & Exotic Car fez uma grande reportagem, no ano passado, sobre o Sr. Ottorino Bianco, com destaque para um Furia com mecânica do Lamborghini Miura, que rodava em Sorocaba… Nada mal ser prestigiado por um periódico da terra do Tio Sam!

    Resposta
  • 4 de julho de 2009 em 18:52
    Permalink

    A revista americana Sports & Exotic Car fez uma grande reportagem, no ano passado, sobre o Sr. Ottorino Bianco, com destaque para um Furia com mecânica do Lamborghini Miura, que rodava em Sorocaba… Nada mal ser prestigiado por um periódico da terra do Tio Sam!

    Resposta
  • 4 de julho de 2009 em 20:41
    Permalink

    Lembro que num fórum o sr. Zullino disse que o Bianco era uma porcaria, pra não dizer coisa pior…

    Resposta
  • 4 de julho de 2009 em 20:41
    Permalink

    Lembro que num fórum o sr. Zullino disse que o Bianco era uma porcaria, pra não dizer coisa pior…

    Resposta
  • 5 de julho de 2009 em 01:34
    Permalink

    Coisas pinçadas e fora do contexto de nada valem, mas além disso sou muito mentiroso, hahahahahaha

    O Bianco é um bom carro de passeio, mas é realmente sofrível como carro esporte porque é muito pesado, com o motor normal apanha de Fuscas. Para deixar o carro silencioso e forte tiveram que usar fibra muito grossa.

    Fora que a fabricação não levou em conta todo o projeto, alguns como o meu não tinham entrada externa de ventilação e eu que tive que improvisar. O parabrisas é muito curvo e mareia um pouco, mas se acostuma. Fora o problema de entrada de água que era um problema comum nos chassis de Brasília, mas a regulagem das portas é crítica para que a borracha se ajuste e não deixe entrar mais água ainda. Se bem que o Karman Ghia de fábrica era outro aquário.

    Que eu saiba o Toni só cuidou da fabricação dos primeiros exemplares, a maioria foi feita pelos sócios capitalistas que eram donos de uma construtora, acabaram donos da fabrica e depois devem ter quebrado. Cometeram a construção do Tarpan, o que dá uma idéia da tosquice, queriam substituir o desenho original que é muito feliz por um aborto.

    Dependendo do contexto o carro pode ser encarado como ruim, basta ver seu valor ao longo do tempo, alguns foram vendidos a preço de banana, o mercado manda. No entanto, atualmente esses carros tiveram corrigidas as principais falhas e o valor está subindo, evidentemente também devido à raridade relativa. De qualquer forma como todo carro esporte é necessário que tenha um dono dedicado, não é um carro para qualquer um.

    Portanto, meu caro, o desenho não teve muita ligação com a fabricação, mas pode-se dizer que o desenho foi robusto o suficiente para mitigar as falhas. O único carro de pequena escala que não tinha falhas foram os primeiros Envemos Super 90, mas aí é outra história, partiu-se de um desenho pronto e copiou-se a carroceria e os acabamentos do modelo Porsche original.

    Resposta
  • 5 de julho de 2009 em 01:34
    Permalink

    Coisas pinçadas e fora do contexto de nada valem, mas além disso sou muito mentiroso, hahahahahaha

    O Bianco é um bom carro de passeio, mas é realmente sofrível como carro esporte porque é muito pesado, com o motor normal apanha de Fuscas. Para deixar o carro silencioso e forte tiveram que usar fibra muito grossa.

    Fora que a fabricação não levou em conta todo o projeto, alguns como o meu não tinham entrada externa de ventilação e eu que tive que improvisar. O parabrisas é muito curvo e mareia um pouco, mas se acostuma. Fora o problema de entrada de água que era um problema comum nos chassis de Brasília, mas a regulagem das portas é crítica para que a borracha se ajuste e não deixe entrar mais água ainda. Se bem que o Karman Ghia de fábrica era outro aquário.

    Que eu saiba o Toni só cuidou da fabricação dos primeiros exemplares, a maioria foi feita pelos sócios capitalistas que eram donos de uma construtora, acabaram donos da fabrica e depois devem ter quebrado. Cometeram a construção do Tarpan, o que dá uma idéia da tosquice, queriam substituir o desenho original que é muito feliz por um aborto.

    Dependendo do contexto o carro pode ser encarado como ruim, basta ver seu valor ao longo do tempo, alguns foram vendidos a preço de banana, o mercado manda. No entanto, atualmente esses carros tiveram corrigidas as principais falhas e o valor está subindo, evidentemente também devido à raridade relativa. De qualquer forma como todo carro esporte é necessário que tenha um dono dedicado, não é um carro para qualquer um.

    Portanto, meu caro, o desenho não teve muita ligação com a fabricação, mas pode-se dizer que o desenho foi robusto o suficiente para mitigar as falhas. O único carro de pequena escala que não tinha falhas foram os primeiros Envemos Super 90, mas aí é outra história, partiu-se de um desenho pronto e copiou-se a carroceria e os acabamentos do modelo Porsche original.

    Resposta
  • 24 de julho de 2009 em 17:58
    Permalink

    É sem dúvida o grande mestre.
    Tem uma foto histórico, dele com Giussepe Perego, levantando o chassi tubular do primeiro Fórmula Jr. brasileiro. (Revista 4 Rodas ano 1961) Eu tenho a revista.
    Eles construiram um carro notável que ganhou muitas corridas, nas mãos do José Gimenes Lopes, Paulinho Amaral e acho que até Christian Heis pilotou esse carro nos anos 60. Usaram um motor Porche 1500 do modelo Esporte.

    Resposta
  • 24 de julho de 2009 em 17:58
    Permalink

    É sem dúvida o grande mestre.
    Tem uma foto histórico, dele com Giussepe Perego, levantando o chassi tubular do primeiro Fórmula Jr. brasileiro. (Revista 4 Rodas ano 1961) Eu tenho a revista.
    Eles construiram um carro notável que ganhou muitas corridas, nas mãos do José Gimenes Lopes, Paulinho Amaral e acho que até Christian Heis pilotou esse carro nos anos 60. Usaram um motor Porche 1500 do modelo Esporte.

    Resposta
  • 4 de julho de 2010 em 23:42
    Permalink

    AO SENHOR E SENHORA BIANCO:
    AQUI QUEM FALA É ROSE T´[ECNICA DE ENFERMAGEM DO HOSPITAL NOSSA SENHORA DE LURDES QUE CUIDOU DO SENHOR NA UTI CARDIOLÓGICA.
    COMO ESTÃO? TUDO BEM? CUIDANDO BEM DA SAUDE?
    ABRAÇOS DA ROSE

    Resposta
  • 4 de julho de 2010 em 23:42
    Permalink

    AO SENHOR E SENHORA BIANCO:
    AQUI QUEM FALA É ROSE T´[ECNICA DE ENFERMAGEM DO HOSPITAL NOSSA SENHORA DE LURDES QUE CUIDOU DO SENHOR NA UTI CARDIOLÓGICA.
    COMO ESTÃO? TUDO BEM? CUIDANDO BEM DA SAUDE?
    ABRAÇOS DA ROSE

    Resposta
  • 5 de julho de 2010 em 08:12
    Permalink

    Rose…ele está muito bem e se recuperando ótimamente! Seus abs serão dados…

    Resposta
  • 5 de julho de 2010 em 08:12
    Permalink

    Rose…ele está muito bem e se recuperando ótimamente! Seus abs serão dados…

    Resposta
  • 13 de setembro de 2010 em 17:40
    Permalink

    Eu tambem gostaria de conhecer o Toni Bianco pessoalmente. Como faço para contacta-lo?

    Resposta
  • 13 de setembro de 2010 em 17:40
    Permalink

    Eu tambem gostaria de conhecer o Toni Bianco pessoalmente. Como faço para contacta-lo?

    Resposta
  • 13 de setembro de 2010 em 17:41
    Permalink

    Eu tambem gostaria de conhecer o Toni Bianco pessoalmente. Como faço para contacta-lo?

    Resposta
  • 13 de setembro de 2010 em 17:41
    Permalink

    Eu tambem gostaria de conhecer o Toni Bianco pessoalmente. Como faço para contacta-lo?

    Resposta
  • 13 de setembro de 2010 em 18:07
    Permalink

    Paulo…o Toni está se recuperando muito bem de um procedimento cirúrgico! Disso eu sei, mas vou entrar em contato com a família pra saber mais e se tem alguma recomendação de visitas ou não. Mas elel está muito bem, o cabra é forte! E posso dizer que tb éiluminado, porque fazer o elefaz com as mágicas mãos é algo que os mortis não explicam. Me cobre por favor…abs

    Resposta
  • 13 de setembro de 2010 em 18:07
    Permalink

    Paulo…o Toni está se recuperando muito bem de um procedimento cirúrgico! Disso eu sei, mas vou entrar em contato com a família pra saber mais e se tem alguma recomendação de visitas ou não. Mas elel está muito bem, o cabra é forte! E posso dizer que tb éiluminado, porque fazer o elefaz com as mágicas mãos é algo que os mortis não explicam. Me cobre por favor…abs

    Resposta
  • 24 de novembro de 2010 em 13:44
    Permalink

    Possuo um Bianco S 1979. Sempre admirei a criação e o artista por detrás dela. Gostaria muito de saber se há possibilidade de conhecer o “mito” Toni Bianco e conseguir, da mesma forma, “O PRIVILÉGIO” de colher a assinatura do criador no meu carro. Tenho buscado uma forma de contatar o Sr. Bianco há anos e felizmente encontrei este blog. Nunca cheguei mais perto de realizar este sonho do que agora. Será que há esta possibilidade?

    Resposta
  • 24 de novembro de 2010 em 13:44
    Permalink

    Possuo um Bianco S 1979. Sempre admirei a criação e o artista por detrás dela. Gostaria muito de saber se há possibilidade de conhecer o “mito” Toni Bianco e conseguir, da mesma forma, “O PRIVILÉGIO” de colher a assinatura do criador no meu carro. Tenho buscado uma forma de contatar o Sr. Bianco há anos e felizmente encontrei este blog. Nunca cheguei mais perto de realizar este sonho do que agora. Será que há esta possibilidade?

    Resposta
  • 24 de novembro de 2010 em 13:53
    Permalink

    João, o Toni passou maus bocados com problemas de saúde co o foi dito acima, mas agora está bem…vou tentar falar com ele. Últimamente ele está descansando, tirando umas férias.

    Resposta
  • 24 de novembro de 2010 em 13:53
    Permalink

    João, o Toni passou maus bocados com problemas de saúde co o foi dito acima, mas agora está bem…vou tentar falar com ele. Últimamente ele está descansando, tirando umas férias.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2010 em 14:18
    Permalink

    Luiz,
    Agradeço a atenção.
    Não quero atrapalhar, nem interferir no período de recuperação. Deixe que o Sr. Bianco descanse. Ainda assim, se houver a possibilidade de um rápido encontro no futuro, ficarei extremamente feliz.
    Abraços,

    Resposta
  • 26 de novembro de 2010 em 14:18
    Permalink

    Luiz,
    Agradeço a atenção.
    Não quero atrapalhar, nem interferir no período de recuperação. Deixe que o Sr. Bianco descanse. Ainda assim, se houver a possibilidade de um rápido encontro no futuro, ficarei extremamente feliz.
    Abraços,

    Resposta
  • 18 de abril de 2011 em 10:01
    Permalink

    Prezado Saloma,

    No último sábado estava passando em uma rua em pinheiros quando vejo o Okrasinha no auto elétrico. Não resisti, cumpri meu compromisso e duas horas depois voltei ao local para tirar uma foto do simpático e vencedor fusca. De perto ele é muito mais imponente que nas fotos… parabéns por mantê-lo ativo e altivo… Peço que perdoe a “invasão de privacidade” mas é um carro que merece essa atenção tipo “paparazzi”.
    Aproveito esta mensagem para perguntar se tem notícias do Sr. Bianco. Ainda tenhoesperança de coletar a assinatura do gênio em meu Bianco e se puder me fornecer alguma orientação de como contatá-lo ficarei agradecido.
    Grande abraço,

    João Paulo

    Resposta
  • 18 de abril de 2011 em 10:01
    Permalink

    Prezado Saloma,

    No último sábado estava passando em uma rua em pinheiros quando vejo o Okrasinha no auto elétrico. Não resisti, cumpri meu compromisso e duas horas depois voltei ao local para tirar uma foto do simpático e vencedor fusca. De perto ele é muito mais imponente que nas fotos… parabéns por mantê-lo ativo e altivo… Peço que perdoe a “invasão de privacidade” mas é um carro que merece essa atenção tipo “paparazzi”.
    Aproveito esta mensagem para perguntar se tem notícias do Sr. Bianco. Ainda tenhoesperança de coletar a assinatura do gênio em meu Bianco e se puder me fornecer alguma orientação de como contatá-lo ficarei agradecido.
    Grande abraço,

    João Paulo

    Resposta
  • 19 de abril de 2011 em 10:38
    Permalink

    Valeu João…ele está na rua Sumidoro, no autoelétrico do Ricardo Japa! O melhor no ramo…abs

    Resposta
  • 19 de abril de 2011 em 10:38
    Permalink

    Valeu João…ele está na rua Sumidoro, no autoelétrico do Ricardo Japa! O melhor no ramo…abs

    Resposta
  • 19 de abril de 2011 em 10:39
    Permalink

    E qto ao Toni, ele está bem e fazendo das suas. Parece que entrou em outro projeto…veremos! abs

    Resposta
  • 19 de abril de 2011 em 10:39
    Permalink

    E qto ao Toni, ele está bem e fazendo das suas. Parece que entrou em outro projeto…veremos! abs

    Resposta
  • 25 de abril de 2011 em 10:46
    Permalink

    O Japa é realmente diferenciado. Inacreditável o fôlego do Toni. Mais um projeto? Como é bom saber que grandes mentes continuam ativas…
    Abç

    Resposta
  • 25 de abril de 2011 em 10:46
    Permalink

    O Japa é realmente diferenciado. Inacreditável o fôlego do Toni. Mais um projeto? Como é bom saber que grandes mentes continuam ativas…
    Abç

    Resposta
  • 28 de fevereiro de 2012 em 23:59
    Permalink

    BOM DIA,

    ESTOU ADQUIRINDO UM BIANCO ANO 1976 AQUI EM SANTA CATARINA ( ONDE RESIDO ),
    PARA DAR DE PRESENTE / SURPRESA PARA O MEU PAI QUE VIVE EM SP ( SANTO ANDRÉ )

    POIS ME LEMBRO QUE: DESDE QUE ME CONHEÇO POR GENTE ELE É FASCINADO POR ESTE CARRO E, ENCONTREI UM AQUI MAS ESTA EM PÉSSIMO ESTADO MESMO ASSIM QUERO RESTAURA-LO.

    ALGUEM POSSUI A INFORMAÇÃO DE:
    ONDE PODEMOS ENCONTRAR PROFISSIONAIS QUE FORNEÇAM:

    OS VIDROS E, QUE FAÇAM A TAPEÇARIA DO CARRO???

    MUITO GRATO

    rogeriousabr@hotmail.com

    ROGÉRIO MONTIANI MARTINS

    47 9902 9169

    Resposta
  • 28 de fevereiro de 2012 em 23:59
    Permalink

    BOM DIA,

    ESTOU ADQUIRINDO UM BIANCO ANO 1976 AQUI EM SANTA CATARINA ( ONDE RESIDO ),
    PARA DAR DE PRESENTE / SURPRESA PARA O MEU PAI QUE VIVE EM SP ( SANTO ANDRÉ )

    POIS ME LEMBRO QUE: DESDE QUE ME CONHEÇO POR GENTE ELE É FASCINADO POR ESTE CARRO E, ENCONTREI UM AQUI MAS ESTA EM PÉSSIMO ESTADO MESMO ASSIM QUERO RESTAURA-LO.

    ALGUEM POSSUI A INFORMAÇÃO DE:
    ONDE PODEMOS ENCONTRAR PROFISSIONAIS QUE FORNEÇAM:

    OS VIDROS E, QUE FAÇAM A TAPEÇARIA DO CARRO???

    MUITO GRATO

    rogeriousabr@hotmail.com

    ROGÉRIO MONTIANI MARTINS

    47 9902 9169

    Resposta
  • 5 de Maio de 2012 em 16:42
    Permalink

    Gostaria de ver esta revista que está O Giussepe,sou sobrinho do Gimenez lopes pois a revista eu tinha
    mas infelizmente se perdeu junto com outras lembracas,com o falecimento do giussepe e manolo onde tinha ficado muitas lembrancas na oficina deles.

    abraco

    Fábio

    Resposta
  • 5 de Maio de 2012 em 16:42
    Permalink

    Gostaria de ver esta revista que está O Giussepe,sou sobrinho do Gimenez lopes pois a revista eu tinha
    mas infelizmente se perdeu junto com outras lembracas,com o falecimento do giussepe e manolo onde tinha ficado muitas lembrancas na oficina deles.

    abraco

    Fábio

    Resposta
  • 5 de Maio de 2012 em 17:03
    Permalink

    Vc tem razão, o Manolo está fazendo uma falta tb…

    Resposta
  • 5 de Maio de 2012 em 17:03
    Permalink

    Vc tem razão, o Manolo está fazendo uma falta tb…

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.