OLD STOCK RACE – INTERLAGOS ACORDOU SOB O RONCO DOS OPALAS

O final de semana em Interlagos, palco da segunda etapa da Old Stock Race e Opala 250, não foi diferente, disputas e muita emoção na pista.
Largada, corrida 1, S do Senna, a disputa acirrada já na primeira curva!

E chega a segunda etapa da categoria Old Stock Race e Opala 250 no Autódromo de Interlagos em céu de brigadeiro. No período da manhã, 18 carros entraram na pista para os treinos livres e Grego Lemonias #18 cravou o melhor tempo com 2m00s006, seguido de João Ometto Neto (voltando de uma recuperação física), com  2m00s842 e Tiago Gonçalves apertando os dois com 2m01s037.

 

Grego Lemonias fez o melhor tempo do primeiro treino livre e promete brigar pela pole neste sábado Foto Humberto SilvaOSR

Na segunda sessão realizada no período da tarde, os tempos permaneceram na casa dos dois minutos com Pedro Pimenta, atual líder do campeonato fechando sua melhor volta em 2m00s236, cinco décimos abaixo de Rafael Lopes com 2m00s286. Renan Guerra #93 fez o terceiro melhor tempo com 2m01s241.

 

Pedro Pimenta, atual líder com 60 pontos promete fazer de tudo para manter a distancia na pontuação em relação aos adversários Foto Humberto SilvaOSR

No final do dia, o terceiro e último treino livre e Rafael Lopes #54 encontrou mais alguns décimos na pista e fechou em primeiro com 2m00s188, seguido de seu parceiro de equipe, Daniel Kelemen #45 com o tempo de 2m00s413. Grego Lemonias que iniciou as sessões de treino de sexta feira como o mais rápido foi o terceiro, com o tempo de 2m00s876.

 

Rafael Lopes em sua nova equipe também busca bons resultados neste final de semana Foto Humberto SilvaOSR

No sábado às 10h30 a classificação decidindo as posições do grid de largada da primeira prova da segunda etapa, que aconteceu no domingo (8 às 8h40) e podemos dizer que madrugamos no autódromo, porque a grade das provas iniciaram cedo os trabalhos, logo após o desfile que nesta etapa foi formado apenas por mulheres aos volantes de seus Opalas e Caravans, as opaleiras dominaram.

 

Ficou assim o grid de largada para a primeira prova da Old Stock Race no domingo:
Fonte http://www.racingcrono.com.br

 

As Opaleiras tomaram conta da pista antes da largada da corrida 1 no domingo. Opalas e Caravans dominaram o cenário e fizeram um verdadeiro show e a festa das arquibancadas com os grupos que lotaram o espaço exclusivo.

Opaleiras em ação Foto: Barbara Bonfim/OSR

A saída de box, alinhados e o som do ronco dos motores, anunciam que a temperatura vai aumentar na pista e desta vez foi possibilitada a passagem de retorno pelos boxes, no tempo de cinco minutos que antecedem a formação do grid de largada. Mas antes conversamos com alguns pilotos que disseram o que esperavam das duas corridas de domingo:

 

 

 

 

CORRIDA 1

Alinhados chegam para a luz verde e largam… Tiago Gonçalves que ocupava o segundo lugar  na primeira fila ao lado do pole Rafael Lopes #54, sobrou na pista na segunda perna do S e assim continuou em primeiro com Rafael na sua cola.

Fotos Humberto Silva_OSR

 

 

E foi assim a corrida 1 até a bandeirada final! Mas deu Rafael Lopes depois da revisão dos comissários desportivos Foto Humberto Silva_OSR

 

Rodrigo Helal #113 largou em oitavo com um bom ritmo e conquistando varias posições chegando a ficar em quarto lugar durante algumas voltas chegando no Pedro Pimenta, o terceiro no grid e atual líder do campeonato.

A disputa entre Pimenta e Helal na corrida 1 Fotos Humberto Silva_OSR

 

O S do Senna palco de muitas disputas:

 

Renan Guerra #93 travou duelo com Pedro Pimenta. Largaram lado a lado e durante um algumas voltas Pimenta pressionou bastante, Guerra conseguiu um fôlego e cruzou a linha de chegada em terceiro. “Na largada eu tive problemas e perdi duas posições, mas consegui logo em seguida ultrapassar o Rodrigo Pimenta do opala 22, depois sofri um pouco para ultrapassar o Pedro Pimenta e enquanto isso fui me aproximando dos lideres e tirando um ou dois décimos a cada volta mas ai eles conseguiram manter um ritmo bom e só me restou me manter firme aguardando um erro de algum dos dois para eu poder tentar a ultrapassagem, mas não consegui.” Disse Renan.

 

Disputa entre Guerra e Pimenta Fotos Humberto Silva_OSR

Ao final de 12 voltas Tiago Gonçalves #11 recebeu a bandeira quadriculada em primeiro lugar porém após a prova os comissários desportivos acrescentaram 20 segundos ao seu tempo em virtude de um corte de traçado na largada, indo para quinto lugar. Com isso, Rafael Lopes #54 foi declarado vencedor, seguido de Renan Guerra #93 em segundo  e Pedro Pimenta #51 em terceiro. Completaram o pódio João Ometto Neto #75 em quarto e Tiago Gonçalves #11 em quinto.

 

Vencedor da corrida 1 Rafael Lopes Foto Humberto Silva_OSR

 

Com uma corrida bem pensada Rafael se manteve em segundo, mas sempre apertando Tiago nas retas ou no S do Senna. “Meu carro era muito bom mas o Tiago com sua experiência e bagagem me ultrapassou na largada. Eu tinha consciência que podia atacá-lo e me manter na briga da liderança, porém faltando quatro voltas o rádio da equipe me avisava que o Renan estava se aproximando, devido à nossa disputa, então pensando no campeonato eu adotei outro ritmo para não colocar tudo a perder, dando prioridade a garantir o segundo lugar.” disse Lopes.

O resultado final da corrida 1:
Pos  Numero Piloto Tempo      Dif volta volta
1 54 Rafael Lopes 24:20.442 0.000 12 2:00.110 1
2 93 Renan Guerra 24:24.170 3.728 12 2:00.172 2
3 51 Pedro Pimenta (M) 24:32.328 11.886 12 2:00.110 2
4 75 João Ometto Neto 24:36.300 15.858 12 2:01.130 2
5 11 Tiago Gonçalves 24:39.045 18.603 12 2:00.043 1
6 64 Marcos Philippi 24:44.339 23.897 12 2:01.450 4
7 25 Jorge Schuback (M) 24:51.859 31.417 12 2:00.985 3
8 18 Georges Lemonias (M) 25:00.957 40.515 12 2:01.040 3
9 38 Rodrigo Leite 25:05.051 44.609 12 2:02.794 5
10 9 Amauri Biem 26:18.519 1:58.077 12 2:06.893 2
11 172 Glauco Barros 25:00.556 0.000 11 2:11.955 5
12 45 Daniel Kelemen 26:10.047 1:09.491 11 2:04.729 5
13 3 Ricardo Alvarez 26:17.721 1:17.165 11 2:03.735 5
14 78 Arnaldo Santos (M) 26:32.884 1:32.328 11 2:07.105 3
15 113 Rodrigo Helal 25:18.911 0.000 3 2:03.166 1
16 59 Henrique Lamberti (M) 9.529 0.000 0.000
DQ 22 Rodrigo Dimas 24:38.567 0.000 12 2:01.283 2

 

Entre a corrida 1 e 2 batemos um papo com os pilotos Rafael Lopes #54 e Daniel Kelemen #45, sobre o profissionalismo na categoria e com participação de Paulo Solariz gestor da categoria Old Stock Race!

 

 

CORRIDA 2
Alinhamento para a largada da corrida 2 Rafael Lopes Foto Humberto Silva_OSR

 

Dada a bandeira verde para as 12 voltas com Rafael Lopes #54 na pole com Felipe Matos #93 ao seu lado. Numa largada soberba Rafael Lopes administrou bem mantendo a ponta e sobrando na frente, enquanto isso na reta oposta Matos foi acertado por Carlos Gomes #172  e rodou, sendo ultrapassado por Pedro Pimenta #51 trazendo João Ometto Neto #75, Jorge Schuback #25 e Rodrigo Helal #113 que disputavam a segunda colocação na prova.

 

 

Pelotão no Laranjinha  Foto Humberto Silva_OSR

 

 

 

 

 

 

 

 

Rodrigo Helal #113, Pedro Pimenta #51 e João Ometto #75  Foto Humberto Silva_OSR

 

Rodrigo Helal sofrendo com nível de óleo e Pedro Pimenta Foto Humberto Silva_OSR

 

Na sexta volta Rafael Lopes #54  já assegurava oito segundos de diferença para os demais e na sequência vinham os protagonistas na disputa pelo segundo lugar, Pedro Pimenta foi ultrapassado por Rodrigo Helal, que com o um vazamento no reservatório de óleo o motor gerava fumaça que não era muito cômodo de quem vinha atrás, tornando muito mais difícil com o ritmo forte de Helal de alguém tentar ultrapassar. “Eu vinha num bom ritmo, porém após ele me ultrapassar, a fumaça que saia do Opala dele chegava a arder os olhos, tirando minha concentração, me fazendo com isso alterar o traçado para poder enxergar.” disse Pedro Pimenta. Ometto logo atrás e também vítima da fumaça mas com seu carro perdendo tração, foi que Grego Lemonias se aproximou e ultrapassou o carro 75, assumindo a quarta colocação.

 

No final, com uma corrida bem administrada e 12 segundos de vantagem, Rafael Lopes cruzou a linha de chegada em primeiro com Rodrigo Helal em segundo e Pedro Pimenta em terceiro. Completando o pódio, Grego Lemonias em quarto e João Ometto Neto em quinto Foto Humberto Silva_OSR

 

O resultado final da corrida 2:
Pos Numero Piloto Tempo  Dif Voltas
1 54 Rafael Lopes 24:54.485 0.000 12 2:02.227
2 113 Rodrigo Helal 25:07.165 12.680 12 2:04.073
3 51 Pedro Pimenta (M) 25:07.677 13.192 12 2:04.436
4 18 Georges Lemonias (M) 25:09.855 15.370 12 2:04.315
5 75 João Ometto Neto 25:10.729 16.244 12 2:04.578
6 64 Marcos Philippi 25:25.533 31.048 12 2:05.823
7 3 Ricardo Alvarez 25:31.893 37.408 12 2:06.500
8 11 Molly Robson 25:42.168 47.683 12 2:06.357
9 38 Vinicius Leite (M) 25:42.701 48.216 12 2:06.865
10 9 Marco Maragno 26:03.514 1:09.029 12 2:07.591
11 45 Daniel Kelemen 26:33.139 1:38.654 12 2:09.010
12 59 José Oliveira (M) 26:38.106 1:43.621 12 2:11.499
13 172 Carlos Gomes 25:16.358 0.000 11 2:14.333
14 93 Felipe Matos 25:54.897 38.539 11 2:06.625
15 22 Djalma Fogaça 13:57.151 0.000 6 2:05.951
16 25 Jorge Schuback (M) 4:17.879 0.000 2 2:08.312

 

Após duas etapas, Pedro Pimenta é o líder, seguido por Rafael Lopes e Marcos Phillipi. Na classe Old Man, para pilotos acima de 55 anos, Pedro Pimenta também lidera, seguido de Vinicius Pimentel e Grego Lemonias.

 

3ª Etapa Old Stock Race 2018 – 20/5/2018

 

CATEGORIA OPALA 250:

 

Começou cedo os trabalhos no domingo da categoria de acesso a Old Stock, treino e classificação às 7:30 hs. Mas foi no sábado a noite que a categoria raíz começou a se preparar para domingo.

 

Grid de largada:

1 – Alberto Scarasat #316 – 2:12.571

2 – Rogerio Rascio #54 – 2:11.909

3 – Anderson Alonso #53 – 2:14.248

4 – Anderson Giovanni #67 – 2:28.292

5 – Bruno Matrai #222 – 2:30.746

6 – Ramon Sala #33 – 2:34.350

7 – Adelino Correia #60 – 2:47.307

8 – Raphael Pires #272 / DQ – Luiz Eduardo Silva #69

 

 

 

 

 

 

 

 

Classificação – Etapa 2 – Opala 250:

 

A imagem pode conter: carro, texto e atividades ao ar livre

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, texto e atividades ao ar livre

Luiz Salomão

Blogueiro e arteiro multimídia por opção. Dublê de piloto do "Okrasa" Conexão direta com o esporte a motor!

3 comentários em “OLD STOCK RACE – INTERLAGOS ACORDOU SOB O RONCO DOS OPALAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *