FÓRMULA 1 – NA TERRA DOS CANGURUS O GP DA AUSTRÁLIA

O campeonato de 2018 começou exatamente da mesma forma do passado, a vitória foi para Sebastian Vettel e sua Ferrari na pole de Lewis Hamilton. Era algo de uma vitória inesperada porque, na classificação de sábado, Sebastian ficou se arrastando a quase sete décimos de Hamilton.
Sebastian Vettel na sua 48° vitória na carreira no domingo do GP da Austrália, mostra que a Ferrari não vai deixar barato para a favorita Mercedes em 2018 Foto Formula1.com

 

A primeira parte da corrida teria a acrescentar às esperanças de Vettel, já que Hamilton parecia estar em pleno controle da situação. Além disso, Kimi Raikkonen claramente capaz de manter o seu 2º lugar Foto Formula1.com

 

Romain Grosjean Haas VF-18 quando parou na pista com problemas nas porcas de travamento das rodas no pit stop feito na primeira parte do Grande Prêmio da Austrália © Jerry Andre – Sutton Images

 

Sebastian Vettel no pit que decidiu sua vitória no GP da Austrália Foto reprodução

Vettel tentou estratégia diferente, com o maior tempo possível no primeiro stint e, em seguida, o destino interveio na forma do Safety Car, porque a Haas de Grosjean tinha parado na pista em um lugar perigoso (acima). Vettel fez assim o seu pit stop e conseguiu voltar a pista à frente de Hamilton. A segunda parte da corrida começou a se desenhar com Vettel e sua Ferrari mantendo a primeira posição mesmo com progressos de Hamilton.

 

Largada GP da Austrália 2018 Foto reprodução

O grande perdedor em Melbourne foi Lewis Hamilton. O atual campeão mundial definitivamente tinha o melhor pacote, mas não conseguiu levar a vitória. Largou bem e tinha o controle da situação na primeira parte da corrida, mas então o período de safety car mudou e de alguma forma encontrou-se atrás de Vettel.

Será que a Mercedes bobeou no planejamento do ritmo de corrida de Hamilton? Era claro que ele poderia conseguir o tempo de volta que queria, mas segurando uma distância de apenas 3-4 segundos que poderia torná-lo vulnerável.

 

Duelo Vettel e Hamilton no final do GP da Austrália Foto reprodução

Depois de ficar atrás, Hamilton tentou tudo para ultrapassar o seu rival, mas, apesar de sua velocidade claramente superior, ele não poderia fazê-lo e teve que se contentar com um segundo lugar. A Equipe Mercedes tinha tudo para uma dobradinha em Melbourne, mas teve ‘apenas’ 22 pontos, depois que Bottas teve seu incidente na qualificação e largou bem atrás. No entanto, é claro que, como o avanço da temporada a Mercedes é forte favorita.

Vitória de Sebastian Vettel no GP da Austrália Foto reprodução

 

Os Top 10 na classificação do campeonato de pilotos e construtores em 2018

 

Drops da corrida na Austrália:

 

(reprodução)

Luiz Salomão

Blogueiro e arteiro multimídia por opção. Dublê de piloto do "Okrasa" Conexão direta com o esporte a motor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *