O FIM DOS CIRCUITOS DE RUA, 12 HORAS DE POA

O FIM DOS CIRCUITOS DE RUA, 12 HORAS DE POA…
Coluna Almanaque Gaúcho de Olyr Zavaschi, Colaboração de Guilherme Ely, de Porto Alegre

“As 12 Horas de Porto Alegre, vencidas em 1962 pelo piloto Breno Fornari e no ano seguinte por Walter Dal Zotto, formam um marco no automobilismo gaúcho de competição, tanto pela duração quanto pelo prestígio que lhes conferiam os pilotos de outros Estados, notadamente os das fábricas Simca e Vemag. Em dezembro de 1968, a terceira e última versão de rua das 12 Horas foi conquistada…

…pelos irmãos Emerson e Wilson Fittipaldi, com o Volkswagen nº 7. Outro destaque daquela prova foi o então recém-lançado Ford Corcel.

O número 4, pilotado por José Carlos Pace e Bird Clemente, chegou em segundo lugar na classificação geral. Também fez sucesso o de nº 2, pilotado por Catharino e Vitório Andreatta.
Apesar do início do verão, em 1962 a prova foi disputada sob chuva constante e baixa temperatura durante a madrugada. Na pista estreita e sinuosa do circuito Cavalhada-Vila Nova, num percurso de 6,7 quilômetros, um grave acidente levou à proibição de provas automobilísticas em ruas e estradas. A tradicional competição permanece até hoje como 12 Horas de Tarumã, no autódromo em Viamão”.
Dica do blogueiro João Cesar Santos, da coleção de clássicos do Jornal Zero Hora…
Saloma

Luiz Salomão

Blogueiro e arteiro multimídia por opção. Dublê de piloto do "Okrasa" Conexão direta com o esporte a motor!

26 comentários em “O FIM DOS CIRCUITOS DE RUA, 12 HORAS DE POA

  • 1 de março de 2009 em 10:38
    Permalink

    Saloma , Sempre gostei dessas rodas Italmagnésio .
    Vi outro dia um jogo no ML . Ainda está lá :
    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-90508360-fusca-jogo-de-rodas-aro-15-fittipaldi-_JM
    R$ 2.600 !
    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-90652702-_JM
    Tem tb essas Fuchs por R$ 3.000 !

    É um bom din din , imagine , mas que o Okrasinha ia ficar bem mais charmoso do que já é , isso ia .
    As Fuchs tb cairiam muito bem no Azulzinho do Eric , não ?
    Bom domingo , irmão
    Conde – São Lourenço
    PS: Sua Cachaça de Salinas continua armazenada .
    (sabe-se lá até quando…)

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 10:38
    Permalink

    Saloma , Sempre gostei dessas rodas Italmagnésio .
    Vi outro dia um jogo no ML . Ainda está lá :
    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-90508360-fusca-jogo-de-rodas-aro-15-fittipaldi-_JM
    R$ 2.600 !
    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-90652702-_JM
    Tem tb essas Fuchs por R$ 3.000 !

    É um bom din din , imagine , mas que o Okrasinha ia ficar bem mais charmoso do que já é , isso ia .
    As Fuchs tb cairiam muito bem no Azulzinho do Eric , não ?
    Bom domingo , irmão
    Conde – São Lourenço
    PS: Sua Cachaça de Salinas continua armazenada .
    (sabe-se lá até quando…)

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 10:49
    Permalink

    Foi este VW e o da DACON , que me entusiasmaram a correr de D3 . Me lembro desta corrida como se fosse hoje , tinha 15 anos .

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 10:49
    Permalink

    Foi este VW e o da DACON , que me entusiasmaram a correr de D3 . Me lembro desta corrida como se fosse hoje , tinha 15 anos .

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 11:06
    Permalink

    Saudades destas provas de longa duração.
    Bons tempos em que havia as, sem dúvida, perigosas corridas em ruas das cidades mas as sempre muito emocionantes longas corridas em Intelagos. 1000 km de Interlagos, 12 horas, 24 horas, 1600km e as famosas 1000 Milhas.
    As corridas em ruas das cidades não tem mais lugar neste mundo mas, alguma das longas provas em interlagos poderiam ser ressucitadas.
    Acredito que seria muito interessante ver Honda Civic, Corola, Vectra, Megane, Astra, Polo, Focus, Linea e outras coisitas mas, enfrentando por 24 horas as curvas de Interlagos.

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 11:06
    Permalink

    Saudades destas provas de longa duração.
    Bons tempos em que havia as, sem dúvida, perigosas corridas em ruas das cidades mas as sempre muito emocionantes longas corridas em Intelagos. 1000 km de Interlagos, 12 horas, 24 horas, 1600km e as famosas 1000 Milhas.
    As corridas em ruas das cidades não tem mais lugar neste mundo mas, alguma das longas provas em interlagos poderiam ser ressucitadas.
    Acredito que seria muito interessante ver Honda Civic, Corola, Vectra, Megane, Astra, Polo, Focus, Linea e outras coisitas mas, enfrentando por 24 horas as curvas de Interlagos.

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 18:17
    Permalink

    Ingo, concordo “parcialmente” com vc. Pois até os velozes carros de F-1 correm entro de cidade (Monaco), daria para fazer uma corrida de curta duração, no máximo 2 horas, dentro de alguma cidade… O problema, nem seria a seguraça, mas sim o asfalto…

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 18:17
    Permalink

    Ingo, concordo “parcialmente” com vc. Pois até os velozes carros de F-1 correm entro de cidade (Monaco), daria para fazer uma corrida de curta duração, no máximo 2 horas, dentro de alguma cidade… O problema, nem seria a seguraça, mas sim o asfalto…

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 18:30
    Permalink

    É tem uma relação piso X segurança…em Petrópolis, por exemplo, em que posso falar alargamente, se tivessem conservado o trajeto atual até os dias de hj, teria que ter uma super manutenção de piso, com asfalto pelo circuito todo. Porque se este estiver em condições de uso para provas de rua, a segurança vem a contento.

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 18:30
    Permalink

    É tem uma relação piso X segurança…em Petrópolis, por exemplo, em que posso falar alargamente, se tivessem conservado o trajeto atual até os dias de hj, teria que ter uma super manutenção de piso, com asfalto pelo circuito todo. Porque se este estiver em condições de uso para provas de rua, a segurança vem a contento.

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 23:16
    Permalink

    Ô Saloma
    Por favor. coloque umas fotos um pouco maiores. Umas fotos tão boas, mas tão pequenas.

    Resposta
  • 1 de março de 2009 em 23:16
    Permalink

    Ô Saloma
    Por favor. coloque umas fotos um pouco maiores. Umas fotos tão boas, mas tão pequenas.

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 08:11
    Permalink

    Sergio, recebo elas com configuração que não dá para explorar mais o tamanho, mas vamos ver se consigo dar um upgrade nas imagens.

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 08:11
    Permalink

    Sergio, recebo elas com configuração que não dá para explorar mais o tamanho, mas vamos ver se consigo dar um upgrade nas imagens.

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 10:44
    Permalink

    Oi Sr. Saloma, antes de mais nada meus parabéns pelo seu blog, uma das minhas referências para leitura sobre este nosso mundo encantado do automobilismo.
    Só por curiosidade, gostaria que me informasse, se as cores do Corcel da Equipe Willys, pilotado pelos saudosos pilotos Pace e Catarino e os ainda vivos Vitorio e Bird, era a mesma dos Gordinis e Willys Interlagos. O design também era o mesmo ?

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 10:44
    Permalink

    Oi Sr. Saloma, antes de mais nada meus parabéns pelo seu blog, uma das minhas referências para leitura sobre este nosso mundo encantado do automobilismo.
    Só por curiosidade, gostaria que me informasse, se as cores do Corcel da Equipe Willys, pilotado pelos saudosos pilotos Pace e Catarino e os ainda vivos Vitorio e Bird, era a mesma dos Gordinis e Willys Interlagos. O design também era o mesmo ?

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 11:19
    Permalink

    Eram brancos e sedan, de quatro portas…praticamente como sairam de fábrica sem nenhum adorno.

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 11:19
    Permalink

    Eram brancos e sedan, de quatro portas…praticamente como sairam de fábrica sem nenhum adorno.

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 15:52
    Permalink

    Esse fusca pilotado pelos Fittipaldi aparentemente era branco. Alguém sabe se era branco mesm ou era de uma outra cor clara?

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 15:52
    Permalink

    Esse fusca pilotado pelos Fittipaldi aparentemente era branco. Alguém sabe se era branco mesm ou era de uma outra cor clara?

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 16:00
    Permalink

    Lúcio, branco pérola igual ao meu…

    Resposta
  • 2 de março de 2009 em 16:00
    Permalink

    Lúcio, branco pérola igual ao meu…

    Resposta
  • 22 de março de 2009 em 19:49
    Permalink

    Corrí esta 12 Horas de Porto Alegre em 1968. Na verdade houve grande dúvida sobre o vencedor; se a dupla Fittipaldi (com pneus Pirelli Corsa que ninguém tinha) ou a dupla Moco-Bird. Naquele tempo, a cronometragem era manual e ambos juravam não ter sido ultrapassados pelo outro. Mas, a força do conjunto Barão-Bardahl-Varga derrotou o conjunto Greco-Ford/Wyllis. Na verdade, de dentro da pista garanto, quem realmente voava baixo era o Luiz Pereira Bueno num Renault Gordini 1.000cc da Equipe Torke (não era um 1093 de 900cc). Parabéns pelo blog ! Fernando Esbroglio

    Resposta
  • 22 de março de 2009 em 19:49
    Permalink

    Corrí esta 12 Horas de Porto Alegre em 1968. Na verdade houve grande dúvida sobre o vencedor; se a dupla Fittipaldi (com pneus Pirelli Corsa que ninguém tinha) ou a dupla Moco-Bird. Naquele tempo, a cronometragem era manual e ambos juravam não ter sido ultrapassados pelo outro. Mas, a força do conjunto Barão-Bardahl-Varga derrotou o conjunto Greco-Ford/Wyllis. Na verdade, de dentro da pista garanto, quem realmente voava baixo era o Luiz Pereira Bueno num Renault Gordini 1.000cc da Equipe Torke (não era um 1093 de 900cc). Parabéns pelo blog ! Fernando Esbroglio

    Resposta
  • 22 de março de 2009 em 21:59
    Permalink

    Pois é Fernando, e a distancia entre o primeiro e segundo colocado veja só… 12h01m31s / 12h01m38s…muito pouco. Pelo que sei, no larga o Corcel bateu na treseira da Fuca e consequentemente essa saiu atrazada. E para chegar na frente teve que passar ou na pista ou nos boxes…

    Resposta
  • 22 de março de 2009 em 21:59
    Permalink

    Pois é Fernando, e a distancia entre o primeiro e segundo colocado veja só… 12h01m31s / 12h01m38s…muito pouco. Pelo que sei, no larga o Corcel bateu na treseira da Fuca e consequentemente essa saiu atrazada. E para chegar na frente teve que passar ou na pista ou nos boxes…

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *